sábado, 8 de dezembro de 2012

Sonhos


Você já se deu conta de que a vida é como arremessar um bumerange, te devolve na mesma proporção aquilo que você jogou? Já percebeu que a vida nos trata correspondendo a tudo que tiramos dela ou acrescentamos a ela? Então olhando por esta perspectiva, que tratamento você tem dado à sua vida? Que resposta você tem dado ao seus sonhos?


Não importa qual seja, nunca desista de um sonho que você tem. Lute por ele a todo custo. A vida não tem o mesmo gosto e alegria quando não possuímos um ideal a ser conquistado. Por isso, plante seus sonhos com firmeza e convicção em sua mente e coração, e lute como louco para que ele aconteça e se torne real. 

Mas atenção, nós só podemos chamar de sonhos as coisas que dependam exclusivamente de nós mesmos. Nada pior do que se desgastar e empenhar toda a nossa força e dedicação com algo que necessita da aprovação ou aceitação de outros. Sonhe com algo que somente você pode conquistar. 

Contratempos, bloqueios, muros de pedras... aceite-os como parte de sua jornada, mas não permita que eles tenham poder definitivo. Lide com eles e aceite que machucar-se ou cair é válido e suscetível, mas não deixe que nada disso tenha a palavra final. Passe por todo obstáculo que tiver de passar, ou desmonte-os pedaço por pedaço... persevere... e continue em seu caminho.

A verdadeira batalha não é travada com cenas monumentais de guerra, mas em pequenas vitórias minuto-a-minuto. É colocar continuamente um pé na frente do outro apesar de adversidades... mover-se para frente independentemente de qual direção o vento soprar...  viver cada dia, cada hora, com um propósito.

Grandes e pequenos passos igualmente fazem uma jornada. Alguns passos são leves e descuidados, outros estão sobrecarregados com dúvida e ansiedade. O ponto... em ambos os casos... é manter o movimento em direção ao seu objetivo, mesmo quando a probabilidade de sucesso parece remota. 

Há uma beleza verdadeira e duradoura em seguir os sonhos quando se escolhe acreditar neles. Quando se ouve o coração. A primeira voz que você ouve, a que fala e diz o que quer, mesmo quando a alma sente medo. Este é o grande poder que temos dentro de nós de atrair o que desejamos.